como a Taxa Selic impacta no consignado


O Brasil vem acompanhando o mercado de crédito, soube que a taxa Selic aumentou, devido a atualizações constantes realizadas pelo Banco Central, através do Copom (Comitê de Política Monetária). 

Por isso, beneficiários do INSS, servidores públicos e trabalhadores de carteira assinada querem saber que impactos esse aumento pode causar para o empréstimo consignado.

Compreender como o  aumento da Selic afeta outros indicadores econômicos e financeiros é bem importante para todos os consumidores, principalmente se você estiver pensando em contratar crédito nos próximos meses.

Para entender mais sobre e saber como a taxa selic no consignado influencia diretamente nessa linha de crédito, confira o texto completo! 

O que é taxa Selic? 

Vamos começar sabendo qual o significado da Selic, que é o Sistema Especial de Liquidação e Custódia. Trata-se de um programa virtual do Banco Central onde títulos do Tesouro Nacional são comprados e vendidos diariamente.

Para entender melhor a taxa selic é importante saber sobre o que realmente significa juros, que nada mais é do que o custo do dinheiro.

A Taxa Selic se trata da taxa básica da nossa economia, e a partir dela todas as outras taxas de juros são definidas. Ela corresponde às tarifas de empréstimos de um dia apuradas pelas instituições financeiras que se utilizam dos títulos públicos federais como garantia.

Ou seja, corresponde aos juros dos títulos públicos que o governo oferece neste sistema. E como dissemos, essa é a taxa que define os outros juros de empréstimos, financiamentos e retorno de atividades de investimentos financeiro. 

Ou seja, o dia a dia financeiro do país é influenciado diretamente pela variação dessa taxa, é por ela que as instituições financeiras se baseiam para cobrar pelos serviços oferecidos.

O responsável por definir a Taxa Selic é o Comitê de Política Monetária do Banco Central, conhecido como Copom.

Há uma reunião a cada 45 dias para definir se essa taxa aumenta, diminui ou se mantém da mesma forma. 

Esse ano ela sofreu muitas variações.Começou o ano a 2% e passando por ajustes percentuais sequencialmente para 2,75%, 3,50%, 4,25% e a taxa de juros selic hoje, em agosto de 2021, aumentou para 5,25% ao ano

Para que serve a Taxa Selic e como funciona? 

A taxa selic tem uma função regulamentadora no mercado. Isso significa que ela é um ponto de equilíbrio perante a outras taxas, inclusive inflação. 

Por isso a Taxa Selic acaba ajudando no rumo do mercado de crédito no Brasil. Vamos ver na prática como isso funciona! 

Quando a inflação sobe, automaticamente diminui-se o consumo por parte dos cidadãos e também reduzem os investimentos no país. 

E quando isso acontece, é necessário buscar soluções para trazer a inflação mais para baixo e uma das alternativas é aumentar a Taxa Selic

Funciona como uma reação em cadeia: a taxa aumenta e o poder de consumo acaba diminuindo, logo os preços precisam diminuir também para que os produtos sejam vendidos e isso estabiliza a economia.

Atualmente o objetivo do Copom é baixar a inflação, logo a alternativa relacionada à Selic é o aumento da taxa. O Comitê já explicou que a incerteza sobre o crescimento da economia permanece alta.

Evolução do aumento da Taxa Selic em 2021

Vamos entender um ponto bem importante, a taxa selic está ligada diretamente a títulos públicos federais, consequentemente a sua alteração impacta na rentabilidade dos títulos. 

Qual a importância de entender isto? É saber que por isso o custo de captação de recursos dos bancos também é alterado.

Se a taxa básica diminuir, o custo de captação das instituições financeiras também vai diminuir. Mas quando ela aumenta, o custo aumenta. Nesse caso acaba que os juros de dinheiro emprestado é maior.

Confira o histórico do aumento da Taxa Selic no ano de 2021 no gráfico abaixo:

Imagem por meutudo.blog

Como a Taxa Selic influencia no consignado?

Agora que você já entendeu o que é a Taxa Selic e o porquê do seu aumento no ano de 2021, vamos ver como ela influencia no empréstimo consignado

Bom, primeiramente vale lembrar que o empréstimo consignado é uma modalidade de empréstimo onde o aposentado ou pensionista têm o valor mensal descontado diretamente da sua folha de pagamento.

Essa modalidade de empréstimo oferece um risco mais baixo, o que já causa uma diminuição no valor da taxa de juros.

As empresas que oferecem o empréstimo consignado, como a meutudo., precisam adequar seu produto às novas taxas e por isso a taxa do empréstimo pode subir também. 

Mas calma, nem sempre as empresas têm o mesmo índice de subida que a Taxa Selic, ela serve apenas como uma base.

Tampouco o aumento da taxa do consignado é imediato ou tal qual o definido pelo Copom. No entanto, é fato que se a taxa Selic subir, as taxas do consignado tendem a subir também. 

Diante disso, ficou fácil compreender o motivo pelo qual a taxa Selic influencia nas operações de crédito. 

A taxa básica de juros é muito dinâmica, isso faz com que as mais variadas operações de crédito, mesmo possuindo taxas de juros diferentes, sejam afetadas com o aumento.

O que isso significa no geral? Para simplificarmos para você, a taxa de juros que será cobrada em cartões de crédito, financiamentos, empréstimos podem subir. Isso acaba refletindo também no empréstimo consignado.

Mas calma! O empréstimo consignado continua sendo a melhor opção, já que sua taxa base, determinada por lei, continua sendo a melhor e a menor do mercado.

Fonte: meutudo.blog



Fonte Original